social

LOCAÇÃO DE OBRA – PONTO DE PARTIDA PARA CONSTRUÇÃO

LOCAÇÃO DE OBRA – PONTO DE PARTIDA PARA CONSTRUÇÃO

É importante dizer que para a locação de obra, é necessário primeiro fazer uma limpeza do terreno. A locação nada mais é do que demarcar no terreno a posição dos principais elementos da construção, começando pela fundação e alguns elementos estruturais intermediários, sempre seguindo as orientações dos projetos – tanto arquitetônico quanto estrutural.

Portanto, de uma forma mais simplista, iremos desenhar a planta baixa da sua casa no terreno. Isso mesmo, antes de começar a construir é necessário fazer as marcações no lote de onde serão os recuos, fundações, paredes e posições dos elementos estruturais. Além de posicionar a casa no lote, o gabarito também determina o nível (altura) da construção.

O que é o Gabarito?

O gabarito é um cercado de madeira construído com objetivo de auxiliar na marcação dos eixos das paredes e fundações. Ele permanecerá na obra até que seja feita a primeira fiada da parede.

A área do gabarito deve ser maior do que a área da casa. Pois o gabarito também delimita a área da obra, ou seja, ele tem que permitir que as pessoas e máquinas possam se movimentar dentro dele. Por isso, geralmente o gabarito tem de 1 a 1,5 metros a mais de largura e comprimento do que a casa.

Benefício da montagem do gabarito:

  • Alinhamento e esquadros perfeitos;
  • Redução de tempo com verificações e retrabalhos;
  • Fundações atuando de forma adequada e com posicionamento exato.

 

Como fazer a locação de obra?

A montagem do gabarito é uma das etapas mais importantes da construção. Erros e desvios nas marcações podem ocasionar problemas como paredes tortas, localização errada de portas ou janelas, tamanhos incorretos de cômodos, até problemas no alinhamento das fundações e estruturas, entre outros.

Delimitar a área da obra

Fixe o primeiro o pontalete de madeira da parte da frente do terreno com base no recuo frontal e lateral. Depois, fixe o segundo pontalete com base na distância do primeiro pontalete e recuos frontal e lateral. Repita este processo para fixar o terceiro e quarto pontaletes, sempre medindo a distância entre eles, recuos e limites do terreno.

No final você terá os quatro cantos da área da obra demarcados pelos pontaletes. Neste momento o seu pedreiro deverá esticar as linhas entre os quatros pontaletes e posicionar as tabeiras para saber onde irá fixar os outros pontaletes que darão sustentação ao gabarito.

Encontrar o nível

Após fixar todos os pontaletes é necessário encontrar o nível da casa. Para isso comece fazendo a marcação do nível no pontalete que está na parte mais alta do terreno. Esta informação está disponível na planta baixa e tem como base a altura da rua. Após a marcação do nível do primeiro pontalete, por meio de algum equipamento, passa-se o nível para os demais pontaletes.

Tirar o esquadro da casa, fique atento, é muito importante para uma locação de obra bem executada

Após montar a estrutura do gabarito é necessário tirar o esquadro da casa. Para isso é necessário localizar e marcar as paredes externas da casa no gabarito.

Uma parte importante é a verificação do esquadro. Pois é muito importante está correto para não gerar futuros problemas. Para isso existe algumas técnicas a serem feitas.

Medir as diagonais e verificar se elas possuem as mesmas medidas. Se as medidas forem diferentes é sinal que os cantos não estão com 90 graus, portanto tem que revisar as marcações. Outra forma de verificação é utilizar a ferramenta esquadro para verificação se os cantos formados pelas linhas e pelas tabeiras estão com 90 graus.

Se os testes acima falharem, ajuste a posição dos pregos nas tabeiras, verifique as medidas da largura e comprimento da casa e repita o teste do esquadro novamente. Só passe para a próxima etapa depois que o esquadro estiver correto.

Marcar os eixos das paredes e fundações

Agora inicia-se a marcação dos eixos das paredes e fundações no gabarito. Para isso você deverá verificar no projeto estrutural quais são os eixos da construção.

Em seguida o seu pedreiro deverá fixar cinco pregos para cada eixo. Um prego central representando o centro do eixo. Dois pregos representando as faces das paredes e mais dois pregos com as faces da viga baldrame. Em construções mais simples é possível trabalhar somente com as marcações das faces da viga baldrame.

Dicas para sua locação de obra:

  • Fazer a conferência da distância de pilares até o eixo auxilia na identificação de erros na locação.
  • Ficar atento às atualizações no projeto diminui retrabalhos, pois, especialmente no início da obra, o projeto pode sofrer constantes revisões.
  • A concretagem dos pontaletes na terra confere mais resistência e evita movimentações do mesmo.
  • Pintar o gabarito de branco irá lhe auxiliar na visualização das marcações e linhas.
  • O topógrafo deverá deixar os níveis de cota marcados no terreno para auxiliar na realização das escavações.
  • O topógrafo deve deixar mais que um ponto de referência no terreno, preferencialmente em locais fixos, como postes.
  • Evitar trânsito pesado próximo ao gabarito, pode garantir a manutenção do gabarito.

Compartilhe:

Deixe um Comentário

Your email is safe with us.